Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação

Itapetininga, Domingo, 20 de Junho de 2021 Telefone (15) 3376-9600

Atendimento Atendimento: De Segunda a Sexta das 9:00 às 17:00 Horas

Meio Ambiente e Agricultura - Segunda-feira, 27 de Janeiro de 2020

Notícias por Categoria

400 kg de materiais recicláveis são arrecadados no programa “Câmbio Verde” neste sábado (25), na vila Rio Branco


400 kg de materiais recicláveis são arrecadados no programa “Câmbio Verde” neste sábado (25), na vila Rio Branco

Durante cinco horas, famílias aproveitaram o sábado (25) para levar materiais recicláveis e trocar por alimento no programa “Câmbio Verde”, na vila Rio Branco, em Itapetininga. Foram arrecadados 400 kg e levados para a Cooperita – Cooperativa de Reciclagem.

Dona Maria de Lourdes, de 68 anos, sempre tem o costume de trocar o material reciclável por alimento. “É um costume que criei e sabendo que posso trocar por alimento é melhor ainda”, disse ao levar os materiais.

Então, você em casa, não deixe de separar materiais recicláveis para trocar por alimento. Sempre os materiais recicláveis são levados para a Cooperita.

O projeto consiste na troca de cada quatro quilos de material reciclável limpo por um quilo de alimento. Eram objetos que estavam na casa das pessoas e que muitas vezes acabariam parando nas nascentes, lagos e ribeirões e até no nosso rio Itapetininga. O “Câmbio Verde” aceita latas de alumínio, embalagem de água sanitária, margarina e detergente, garrafas PET, vidros, mangueiras, plástico filme, PVC, sacolas, papéis do tipo papelão, jornais, livros, cadernos, papel branco e misto.        

Atendendo a pedidos de munícipes e para dar mais igualdade ao sistema de trocas devido ao peso maior dos materiais, a cada 10 kg de vidro ou papelão e papel também é realizada a troca por 1 kg de alimento. Já as latinhas, metais, garrafas PET e plásticos permanecem com a troca sendo realizada com 4 kg de materiais por 1 kg de alimento.

Durante a ação na vila Rio Branco, testes de saúde também foram feitos com quem passou pela praça. “Prevenção é o melhor de tudo”, disse José Vieira de 58 anos, que pratica atividade física diária. “Caminho pelo menos uma hora por dia. Vale a pena”, contou.

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

UFM - 2021

R$ 104,70